26/05/2017

Brasil bombordo e bom reste!



Neste dias tenho acompanhado com bastante apreensão as notícias da mídia nacional. De forma que entendo, não podermos tentar amenizar a situação do Brasil atropelando ainda mais a nossa Constituição.
Pelo pouco que conheço, não há previsão para eleições diretas agora, e sim, no Colégio Eleitoral. Presume-se um pouco de bom senso e dever cívico daqueles que foram posto para legislar, resguardar, zelar e conhecer a Carta Soberana. As regras estão colocadas no texto posto e não podem ser alteradas conforme a conveniência política, econômica, social ou de quaisquer origens. Se fosse assim, navegaríamos na direção do vento!
Para falar a verdade, incluo-me nos que desejam mudanças e de forma urgente, mas não me incluo nos que não conhecem ou se fazem de desavisados.
É bom que saibamos que não só existem maus políticos no cenário nacional. São 513 deputados e 81 senadores e, entre eles, há pessoas probas, honestas e sérias. E, ainda, todos foram eleitos pelo voto popular. Daqui a pouco mais de um ano, teremos eleições gerais e podemos nos esbaldar no direito de escolher livremente nossos representantes e, quem sabe, mudamos para melhor. Sou um crítico contumaz sobre a maneira como acontecem as eleições no Brasil, mas essa uma outra conversa.
Mesmo não acreditando em reforma política feita por políticos, eu acredito na democracia e sei da importância das instituições democrática para a vida social.

Nenhum comentário:

Postar um comentário